2. Fique atento à necessidade do seu cliente

Agora que já entendemos quem é o nosso cliente, qual a sua idade, onde ele mora, por quanto tempo o móvel ficará na casa dele, do que ele gosta, o que ele dá valor, com quem ele vive e que tipos de móveis ele tem em casa, podemos traçar um perfil do que oferecer em nossos projetos.

É natural do ser humano sempre dizer que quer algo barato mesmo. Porém são duas palavras que não combinam muito bem: BARATO e QUALIDADE. 

1. Pode ser que o seu cliente esteja no seu primeiro imóvel. Sim, ele quer e precisa economizar. OK. Porém, pode ser que já tenha meia idade e busque sofisticação. Às vezes os jovens em seus primeiros imóveis também querem caprichar. Aí vai de conversarmos com o cliente e entendermos o que ele busca de fato. NUNCA SUBESTIME O BOLSO DO CLIENTE.

2. Caia fora das avaliações padrões do tipo de carro do cliente por exemplo, porque isso hoje em dia não quer dizer NADA. Pode ser que ele tenha um carrão, mas não invista em casa. Pode ser que ande a pé e quer investir em casa.

3. O que o cliente dá valor também é bem importante e entra no tópico anterior. Posso não valorizar um carro do ano, mas querer morar bem. Veja se o cliente aprecia vinhos, obras de arte, tecnologia (se ele tem em casa TVs e eletrodomésticos de última geração). Uma pessoa que gosta de vinhos, certamente precisará no seu projeto um espaço para armazená-los. Quem gosta de tecnologia, vai amar iluminação de LED nos móveis ou até ferragens que abrem de forma automática, como gavetas e articuladores. Quem gosta de tecnologia gosta de portas de vidro com perfil de alumínio e amortecimento integrado nas dobradiças e corrediças, e normalmente não só gosta mas tem dinheiro e quer gastá-lo com isso.

4. Avaliar o tipo de móvel que o cliente possui em casa também ajuda. Se ele possui móveis de madeira maciça, pode ter herdado de parentes, mas certamente apreciará padrões de MDF que sejam mais naturais. 

5. Entender quem mora na casa também ajudará no tipo de móvel a oferecer. ATENÇÃO: casas com crianças exigem ferragens mais robustas. Uma dica: ofereça nichos de armazenamento. Eles são simples, modernos e resistentes. Isso significa menos assistência técnica e manutenção na casa do cliente.

sob medida para você

Desenvolvimento:

 Todos os direitos reservados - CNPJ: 24.996.645/0001-94

IDdesign
  • Grey Instagram Ícone
  • Grey Facebook Ícone
  • Cinza ícone do YouTube